Impactos provocados pela cultura da micro e pequena empresa

15 jul Impactos provocados pela cultura da micro e pequena empresa

Impactos provocados pela cultura da micro e pequena empresa

O que significa, exatamente, a cultura da empresa?

 

 

É um conjuntos de valores que determinam como serão feitos os trabalhos e entregues aos clientes, o jeito de fazer, o que se admite e o que não pode de jeito nenhum na operação, enfim, em resumo, é a soma dos valores e crenças trazidos pelos fundadores que criam aquilo que chamamos de “alma da empresa”.

Costumo dizer empresas são pessoas que nascem dos desejos e aspirações de seus criadores, que assume responsabilidades que podem exigir equipes dedicadas de pessoas para manutenção, ou apenas a dedicação dos sócios, de maneira organizada.

E quais são os impactos da cultura da empresa nos negócios?

Pode ser dos mais inovadores e criadores de inovações transformadoras como a Apple por exemplo, ou serem mais tradicionais e menos tecnológicos, mas sempre focados em solução para o consumidor final, para que todo trabalho empenhado faça sentido para quem está ofertando e quem está recebendo.

Culturas muito rígidas, com regras inflexíveis podem engessar trabalhos inovadores que poderiam transformar a organização e impedir seu crescimento. Por outro lado, culturas muito flexíveis e sem regras claras de conduta, podem levar a prejuízos por falta de foco em soluções e no público consumidor.

Ideal é que sócios e gestores tenham clara a cultura da empresa e não precisem que o mercado responda negativamente para que mudem de atitude. Sim, a cultura é como uma comunicação muda presente em tudo que fazemos, na forma como atendemos as pessoas e principalmente na entrega de nossos produtos e serviços. O publico sabe ler as mensagens que estamos transmitindo, ainda que não seja dita uma palavra de forma explicita.

Falei do público, mas os impactos também podem ser vistos entre os colaboradores e fornecedores que podem se recusar a trabalhar por não concordarem com a cultura da empresa ou, ao contrário, podem fazer questão de andar junto por acreditar que a empresa tem valores fortes em sua cultura que podem impactar positivamente muitas vidas.

Não importa a atividade da empresa, se ela é moderninha ou não, se tem a inovação na cultura ou se preferem os formatos mais artesanais de entrega, uma coisa é certa, seus valores serão explícitos de qualquer forma. Ter clareza sobre isso, ajuda os empresários e gestores a cuidarem adequadamente da comunicação da empresa, atentando sempre para a clareza de valores e principalmente à proposta de valor que está sendo entregue através do produto ou serviço vendido.

Muitas empresas tem uma atenção tão forte quanto a isso que em todas as reuniões repetem coisas como lembrete de visão, missão, valores a todos os colaboradores, além de deixar isso explicito a todas as pessoas impactadas direta ou indiretamente.

Vivemos um momento de pressas, de comunicação rápida, de excesso de informações. Olhar para dentro de casa e trabalhar a empresa pode ser interpretado como perda de tempo, por muitos, mas é primordial para cuidar de seu crescimento, tal qual cuidamos de nossas próprias vidas. Qual é a cultura da sua empresa? Como ela impacta nas vidas das pessoas? O que o mundo perderia hoje, se sua empresa fechasse as portas?

Simoni Luduvice empresaria Contábil e Coach. Estrategista e pesquisadora de temas que agreguem ao crescimento de pequenas empresas e seus players.

Gostou desse post?
deixe seu link

Nenhum comentário

Postar um comentário

Recomendado só para você
O que é empresa?   Uma das definições trazidas por…
Cresta Posts Box by CP
Open chat